ATENÇÃO SR(s) INTERNAUTAS

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como SUSPEITOS e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens.

Esta página pode conter em seu conteúdo IMAGENS FORTES ou CHOCANTES para algumas pessoas. Se você é maior de 18 anos e tem certeza que deseja visualizar estas imagens, CONTINUE. caso contrário FECHE A PÁGINA.

Acusado de furto em supermercado, homem de 48 anos aciona a polícia e denuncia segurança por racismo

Fonte: folha do sul on line - Em POLÍCIA - 12/07/2021 09:02:00 hrs

Acusado de furto em supermercado, homem de 48 anos aciona a polícia e denuncia segurança por racismo

Na manhã de ontem, um homem de 48 anos registrou queixa na Polícia Civil de Vilhena, denunciando ter sido vítima de racismo ao fazer compras num supermercado do bairro Cristo Rei.

De acordo com o registro do caso, quando estava saindo do estabelecimento com as compras que havia feito, o denunciante disse ter sido abordado pelo segurança do estabelecimento, que o agarrou pela camisa, acusando de furtar um chinelo.

O cliente reagiu à tentativa de ser levado para uma área reservada e ligou para a Polícia Militar, que enviou uma guarnição ao local. Embora tenham filmado o denunciante com um celular, os policiais não registraram a ocorrência.

Conforme a vítima, os policiais teriam dito que era direito do segurança segurá-lo e cobrar, mas a orientaram a registrar a queixa contra o acusado.

Ao prestar a queixa, o homem disse que a ação contra ele foi em decorrência da cor de sua pele, e que jamais havia passado por aquele tipo de humilhação, sendo acusado de furto diante de várias pessoas.

O caso foi registrado para as medidas cabíveis e não há informação sobre o que teria levado o segurança a fazer a acusação contra o cliente do supermercado.

  • Compartilhe essa notícia
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

Mais Notícias da Categoria: POLÍCIA