ATENÇÃO SR(s) INTERNAUTAS

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como SUSPEITOS e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens.

Esta página pode conter em seu conteúdo IMAGENS FORTES ou CHOCANTES para algumas pessoas. Se você é maior de 18 anos e tem certeza que deseja visualizar estas imagens, CONTINUE. caso contrário FECHE A PÁGINA.

Polícia Civil indicia responsável por fossa onde mulher com necessidade especial caiu e morreu, em Ouro Preto do Oeste

Fonte: gazeta central - Em Polícia - 09/01/2020 11:13:00 hrs

Polícia Civil indicia responsável por fossa onde mulher com necessidade especial caiu e morreu, em Ouro Preto do Oeste

A Polícia Civil do Estado de Rondônia, através da Delegacia de Polícia Civil da Estância Turística de Ouro Preto do Oeste, concluiu nesta quarta-feira (8) o inquérito policial que resultou no indiciamento do responsável pela obra inacabada da fossa séptica onde Débora Dias, de 30 anos, que era surda-muda e possuía deficiência intelectual, caiu na manhã do dia 20 de outubro e morreu afogada. Clique aqui e relembre:

O delegado de Polícia Civil, Niki Alves Locatelli, responsável pelo inquérito, após ouvir testemunhas e de posse do laudo pericial do local, decidiu pelo indiciamento do responsável pela obra da fossa onde a vítima morreu por afogamento, conforme consta no laudo tanatoscópico.

De acordo com o inquérito, em síntese a perita criminal concluiu que houve negligência por parte do responsável pela obra, que estava fora dos padrões regulares não apresentava coberturas resistentes, sinalização de segurança ou qualquer outro impedimento à passagem de pedestres.

Segundo o delegado, a pessoa assumiu ser o responsável pela obra inacabada da fossa séptica e, ao ser interrogado, disse que a fossa foi construída em área pública, mas que estava fora da calçada. Argumentou que a tampa da fossa não havia sido concluída devido ao período de chuva e que teria sinalizado a obra, mas que possivelmente a ação do tempo ou humana tenha destruído.

De acordo com o responsável pelo inquérito, após a investigação, comprovou-se a materialidade do delito com indícios suficientes de autoria. Diante dos fatos, concluiu pelo indiciamento do responsável pela obra inacabada pelo crime de homicídio culposo – negligência. O caso será encaminhado ao Fórum e ao Ministério Público.

Outras Imagens

Polícia Civil indicia responsável por fossa onde mulher com necessidade especial caiu e morreu, em Ouro Preto do Oeste
Polícia Civil indicia responsável por fossa onde mulher com necessidade especial caiu e morreu, em Ouro Preto do Oeste
  • Compartilhe essa notícia
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

Mais Notícias da Categoria: Polícia